EcoWeb+EcoAction

Rede Municipal de Ensino – Campo Bom RS

Linha do tempo

Nossas conquistas

2002 Projeto Peixe Dourado

Em julho de 2002 a EMEF 25 de julho passa a ser a Escola Pólo do “Projeto Peixe Dourado”, em Campo Bom. A iniciativa ocorre em mais 12 municípios da Bacia do Rio dos Sinos.

O “Projeto Peixe Dourado” tem como objetivo sensibilizar a população da necessidade de promover a melhoria da qualidade das águas da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos, usando o peixe Dourado como espécie bandeira.

2005 Conhecendo os Banhados

Em 2005 dá-se inicio a execução do Projeto “Conhecendo os Banhados” como um subprojeto do “Projeto Peixe Dourado”.

O Projeto “Conhecendo os Banhados” tem como objetivo, sensibilizar as pessoas sobre a  necessidade de cuidar dos banhados e da qualidade das águas, evitando sua escassez. A partir do desenvolvimento da educação ambiental, a proposta é sensibilizar os alunos e a comunidade sobre a importância dos banhados para a melhoria da qualidade das águas e, consequentemente, da qualidade de vida.

2006 Prêmio Dpaschoal

No ano de 2006, participação do concurso da Dpaschoal –“ Programa Reciclando numa Boa”, quando a Dpaschoal e a Fundação Educar premiaram o projeto “Conhecendo os Banhados”, o qual representou o RS como “uma das melhores práticas de incentivo à mudança de hábito e conscientização ambiental”.

2007 Projeto Dourado

Em 2007, ocorre a segunda fase do “ Projeto Peixe Dourado”, quando passa a se chamar “Projeto Dourado”, a partir do desenvolvimento da etapa “Projeto Dourado Multiplicadores”.

2008 Prêmio Ford

No ano de 2008 a escola recebe o Prêmio Ford de Conservação Ambiental, com o Projeto “Conhecendo os Banhados”, na categoria  Meio Ambiente nas Escolas, oferecido às escolas que criaram e implementaram projetos que incentivam significativamente a conservação do meio ambiente e que envolvam diretamente a participação dos alunos. A iniciativa visa à formação e a conscientização ambiental dos estudantes.

2010 Prêmio ANA

Em 2010 Escola recebe o prêmio ANA da Agência Nacional de Águas, na categoria Ensino- Água: o desafio do desenvolvimento sustentável, também com o Projeto “Conhecendo os Banhados”.

No ano de 2010 iniciou-se o projeto Eco Mirim,  como o objetivo de trabalhar a Educação Ambiental com os alunos que têm  dificuldades de aprendizagem, no turno oposto ás aulas, como mais uma ferramenta para auxiliar no aprendizado destes alunos.


2011 Prêmio Instituto Claro

Em 2011 com o Projeto Eco Web a Escola recebe do Instituto Claro, o prêmio Novas Formas de Aprender e Empreender na categoria “Inovar na Escola’.

Eco Web

Responsável: Margarida Telles da Cruz, professora da Escola Municipal de Ensino Fudamental 25 de Julho
Cidade: Campo Bom (RS)
Público-alvo do projeto: alunos do segundo ao nono ano do Ensino Fundamental
Prêmio: R$ 28.000,00

O projeto Eco web, do Rio Grande do Sul, é um dos vencedores da 3ª edição do Prêmio Instituto Claro na categoria “Inovar na Escola”. Nele, alunos com dificuldades de aprendizagem têm a oportunidade de participar de uma ação educativa, que envolve contato e interação com o meio ambiente.

Clique aqui para acessar a matéria completa.

2012 Prêmio Omo do Programa pelo Direito de ser Criança

 “OMO reconhece a Escola Municipal de Ensino Fundamental 25 de Julho como uma das instituições brasileiras com as Boas Práticas do Brincar e Aprender pela Experiência na categoria Aqui se Aprende pela Experiência. Programa pelo direito de ser criança – em defesa do brincar e do experimentar na escola.”

2012- Prêmio Educadores Inovadores Brasil

Categoria: Inovação em Comunidade

Nome do projeto: Eco Web
Autor: Margarida Telles da Cruz
Escola: E.M.E.F. 25 de Julho
Cidade: Campo Bom
Estado: RS
Descritivo: Associando as TICs à sustentabilidade, o projeto da professora de Campo Bom propôs aos estudantes portadores de necessidades educativas especiais, um grande desafio: desenvolver atividades teóricas e como colocar em prática utilizando diferentes tecnologias e envolvendo os alunos de escolas vizinhas. O trabalho une os alunos em divulgações na web, com foco no reaproveitamento de diferentes materiais e também no cotidiano de moradores do campo de banhado, rio e arroios, sem deixar de lado a importância dos cuidados que devemos ter com o lugar onde vivemos.
DSC00590
Microsoft Partners in Learning Global Forum – Prague República Tcheca
Com foco em sustentabilidade, projeto Eco Web da Educadora do Rio Grande do Sul, foi considerado o melhor da América Latina e o segundo melhor no mundo na Categoria Inovação em Comunidade
A Microsoft realizou entre 28 de Novembro e 1º de Dezembro o Fórum Global Parceiros na Aprendizagem 2012, com o anúncio dos grandes vencedores do Prêmio Educadores Inovadores. Durante a cerimônia no prestigiado Castelo de Praga, República Tcheca, que premiou 21 educadores em todo o mundo, a brasileira Margarida Telles Cruz, do Rio Grande do Sul, foi considerada destaque com projeto inovador que utilizou a tecnologia para transformar a educação.

Prêmio Professores do Brasil

Prêmio Professores do Brasil

Eco Web-Prêmio Professores do Brasil

O projeto Eco Web,  tornou-se referência na cidade de Campo Bom, no Rio Grande do Sul, ao utilizar as TIC nas atividades desenvolvidas com os alunos de até 15 anos. Em Dezembro de 2013, o projeto, que é coordenado pela educadora Margarida Telles, foi premiado no 7º Prêmio Professores do Brasil, na categoria Educação Digital Articulada ao Desenvolvimento do Currículo, representando a região sul do país.
Os dispositivos utilizados pelo Eco Web, como câmeras fotográficas, tablets e smartphones, dão aos alunos a possibilidade de criar conteúdos multimídia em atividades de campo, onde exploram os ecossistemas próximos à escola. Os materiais criados pelos alunos são divulgados no site do projeto e nas redes sociais.
Desde seu início, há cerca de dois anos, o Eco Web chamou a atenção de muitas escolas da região e já promove atividades para estudantes de outras instituições. O primeiro grande reconhecimento, depois do Prêmio Instituto Claro, veio com o primeiro lugar no Prêmio Educadores Inovadores, na extensão nacional, e com o segundo lugar na extensão global.

 

Evolução

logo eco web novo

Projeto Eco Web

O Projeto “Eco Web” é a segunda fase do Projeto “Eco Mirim” que visa associar as Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) à sustentabilidade. Este mundo complexo e veloz que a tecnologia gerou propõe novos desafios para a Educação Ambiental. Não basta que os alunos acessem as informações, eles precisam ter habilidades, competências, princípios,  valores  e o desejo de utilizá-las, saber relacioná-las, sintetizá-las e avaliá-las, com vistas à sustentabilidade para satisfazer  as necessidades de hoje em equilíbrio com as necessidades das futuras gerações. A partir  da Educação Ambiental associada às TICs , trabalha-se com alunos com dificuldades de aprendizagem, com portadores de necessidades educativas especiais junto com os monitores ecológicos da nossa escola.

Também é usada essas diferentes tecnologias adquiridas com o apoio do Instituto Claro para trabalhar com as turmas da nossa escola e com algumas turmas das outras escolas do Município, que vêm participar do “Projeto Dourado” e “Conhecendo os Banhados”.

Objetivo

Visa associar as Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) a sustentabilidade.

Justificativa

O Projeto “Eco Web” que na primeira fase chamava-se Eco Mirim foi implantado na nossa escola porque se chegou à conclusão de que era preciso associar as Tecnologias de Informação e Comunicação às ações relacionadas à sustentabilidade desenvolvidas nos projetos de Educação Ambiental que executamos desde 2002.

A Escola tem em seu Projeto Político Pedagógico, o compromisso com a educação que ultrapassa os muros da escola, um ensino diferente para todos; acolhendo as diferenças, para que os alunos tenham condições de aprender, segundo suas próprias capacidades, onde aprendam a viver em grupo, a dividir as responsabilidades, a repartir tarefas, em equilíbrio com o meio ambiente. As crianças precisam vivenciar conhecer as necessidades das plantas, dos animais, nos diferentes ecossistemas, repensar suas atitudes quanto ao consumo de água e energia, saber como reduzir, reutilizar ou enviar os diferentes resíduos para a reciclagem. Além disso, para facilitar este aprendizado e divulgar o trabalho para que mais pessoas possam por em práticas pequenas ações sustentáveis, que façam a diferença no nosso dia a dia e que nossos alunos estão usando novas ferramentas tecnológicas e divulgando estas práticas na Web.

Metodologia

Acreditando no conceito postulado pela UNESCO de que a “A Educação Ambiental é um processo permanente, no qual os indivíduos e a comunidade tomam consciência do seu meio ambiente e adquirem conhecimentos, valores, habilidades, experiências e determinação que os torna aptos a agir – individual e coletivamente – e resolver problemas ambientais presentes e futuros”, lançamos mão das atividades teóricas e práticas, voltadas para a Educação Ambiental, como mais uma ferramenta para facilitar a aprendizagem de alunos com necessidades especiais, respeitando as diferenças e possibilitando construção  o seu próprio saber e competências para a vida.

A Escola tem uma sala para educação ambiental na escola onde funcionam os projetos ambientais “Projeto Dourado, Conhecendo os Banhados, Eco Web”, onde  trabalhamos com os alunos na nossa escola e também das outras escolas através de agendamento. No pátio deste espaço há um mini rio, com aproximadamente 30m de extensão, com peixes, tartarugas, plantas aquáticas que os alunos ajudam na manutenção.

Há saídas a campo para observar o meio ambiente; os alunos relatam os pontos positivos e os negativos que vão encontrando, e sugerem ações para minimizar estes impactos. Onde há muito lixo doméstico e industrial depositado em lugar inadequado, coloca-se placa de sensibilização e quando se encontra o nome da empresa que depositou o lixo é fotografado e enviado para a Secretaria de Meio Ambiente que notifica o dono a fazer a retirada do lixo. Após a retirada do resíduo o local continua a ser monitorado. Todos os materiais das atividades realizadas pelos alunos são postados no Facebook e no blog.

O Projeto “Eco Web”  envolverá em média 60 alunos no turno oposto ás aulas, isso porque foi  um dos contemplados no 3º Prêmio do Instituto Claro na categoria “Inovar na Escola”  com este prêmio, foi adquirido diferentes materiais digitais como smartpfones, tablets, notbooks, máquinas, filmadoras, binóculos, etc. As TICs aliada às atividades de educação ambiental, serão uma ferramenta a mais para facilitar a inclusão destes alunos na escola. O material é aproveitado para envolver as turmas da escola e algumas turmas das outras escolas do Município, que vem realizar atividades na escola através de agendamento.

A proposta do projeto Eco Web é que todos os alunos tenham condições de aprender, segundo suas próprias capacidades sem discriminações e adaptações e que estas sejam significativas e importantes no seu dia a dia.  As atividades relacionadas ao meio ambiente não se limitam apenas a atividades teóricas, mas também a promover práticas que envolvem diferentes tecnologias (notebook, tabletes, smartphone, GPS, binóculos, máquinas digitais, filmadoras) que conduzem o aluno, no seu dia a dia, a vivenciar e divulgar na Web, as atividades de reaproveitamento de diferentes materiais, as práticas de campo nas áreas de banhado, rio e arroios, como cuidar do lugar onde vivemos.  Para que isso aconteça é preciso conhecer, saber como conservá-lo ou como está sendo depredado, identificar a fauna, flora, os principais impactos e como minimizá-lo, conhecer e conservar o ambiente.  Os alunos são desafiados a ir além de respostas simples, a sair dos muros da escola, a desenvolver habilidades de pensar criticamente e a resolver problemas do dia a dia das situações da vida real.

Projeto Conhecendo os Banhados

O projeto “Conhecendo os Banhados” visa educar para uma vida sustentável no sentido de promover conhecimentos, competências, princípios, habilidades, valores e atitudes relacionados com a sustentabilidade, com vistas a satisfazer as necessidades de hoje, em equilíbrio com as necessidades das futuras gerações. A partir do desenvolvimento da educação ambiental, trabalha-se com os alunos da Educação Infantil, Ensino Fundamental, professores da rede de educação ambiental e comunidade em geral, do Município de Campo Bom,  informando as pessoas sobre importância das áreas de banhado, que são fundamentais para a melhoria da qualidade das águas dos ecossistemas vizinhos, pois absorvem o excesso das cheias, retiram a matéria orgânica  e liberam água no período das secas.

Objetivo       

O projeto “Conhecendo os Banhados” visa educar para uma vida sustentável no sentido de promover conhecimentos, competências, princípios, habilidades, valores e atitudes relacionados com a sustentabilidade, com vistas a satisfazer as necessidades de hoje em equilíbrio com as necessidades das futuras gerações dos diferentes ecossistemas.

Justificativa

O “Projeto Conhecendo os Banhados” foi implantado na escola, porque chegou-se à conclusão de que precisamos introduzir uma cultura de sustentabilidade, precisamos promover conhecimentos, competências, habilidades, princípios, valores e atitudes relacionados a sustentabilidade. As crianças precisam vivenciar conhecer a importância das plantas, dos animais, nos diferentes ecossistemas, repensar suas atitudes quanto ao consumo de água, energia, saber como reduzir, reutilizar ou enviar para reciclagem os diferentes resíduos.

Os banhados são, na realidade, filtros naturais e possuem funções ecológicas importantes para a manutenção do equilíbrio ambiental. Essas funções incluem a produção de alimentos, a conservação da biodiversidade, a sustentação das atividades pesqueiras, a contenção de enchentes, como áreas de recreação, melhoria da qualidade das águas e, consequentemente, da qualidade de vida. Banhados são áreas que podem ficar sempre cheias de água ou apenas temporariamente e esta parte próxima à escola 25 de Julho fica a maior parte do ano com água apenas nas lagoas formadas pela retirada de barro para confecção de tijolos nas olarias próximas; fica totalmente alagado apenas quando o Rio dos Sinos transborda, sendo que a água, em poucos dias, volta para o rio, deixando a matéria orgânica depositada nesta área e servindo de adubo para a vegetação típica destes locais.

Estas características facilitam as atividades práticas para observação da fauna, flora e ações antrópicas, como a retirada do barro para as olarias, corte de árvores nativas, restos de construções, móveis usados, lixo doméstico, sacos com restos de couro, etc. A grande maioria dos alunos da escola E.M.E.F. 25 de Julho mora no bairro 25 de julho e vêm falar sobre os novos depósitos de resíduos, animais mortos, retirada de vegetação, etc. Entretanto, cabe à escola garantir situações em que os alunos possam pôr em prática sua capacidade de atuação.

A Educação Ambiental é um processo permanente, no qual os indivíduos e a comunidade tomam consciência do seu meio ambiente e adquirem conhecimentos, valores, habilidades, experiências e determinação que os torna aptos a agir individual e coletivamente e resolver problemas ambientais presentes e futuros.

Diante deste contexto, o “Projeto Conhecendo os Banhados” visa sensibilizar as pessoas da importância de agir de forma sustentável para a preservação e conservação ambiental dos diferentes ecossistemas. Por isso trabalhamos com diferentes atividades com as crianças e com a comunidade a noção de sustentabilidade que atravessa os limites da escola. As atividades neste projeto não se limitam apenas a atividades teóricas, mas também, a promover práticas que conduzam o aluno, no seu dia a dia a vivenciar, em atividades de campo nos arroios, rios, banhados ou mesmo na cidade, como cuidar do lugar onde vivemos. Para que tudo isso aconteça é necessário conhecer, identificar a biodiversidade de cada ecossistema observado, identificar os problemas ambientais e minimizar estes impactos, fazendo parcerias com os órgãos competentes para que possam auxiliar na preservação ambiental.

Metodologia

A Educação Ambiental é um processo permanente, por isso a escola 25 de Julho desenvolve vários projetos para sensibilizar os alunos de diferentes escolas do Município, que, através de agendamento, vêm realizar atividades teóricas e práticas. Nestas atividades procuramos aproveitar as diferentes situações, como na época das cheias em que o Rio dos Sinos transborda e invade a casa de muitos alunos, pois muitas crianças não estão acostumadas a observar que as enchentes  também mexem com os diferentes ecossistemas, como muitos animais, que vivem nos banhados (áreas que podem ficar sempre ou apenas temporariamente alagadas), que têm que procurar outro abrigo, procurar alimento e se reproduzirem. É uma oportunidade a mais que temos para observar o comportamento de diferentes espécies como formigas, minhocas, caracóis, caramujos, girinos, garças, quero-queros, maçaricos-de-cara-pelada, biguás e diferentes espécies de artrópodes. Nesta época é que observamos a grande quantidade de lixo (uma grande quantidade flutua) depositado de forma irregular nestas áreas de preservação ambiental e, além de observar, os alunos têm oportunidade de propor soluções para preservar estas áreas e para minimizar os impactos. É desta forma que os alunos e a comunidade tomam consciência do seu meio ambiente e adquirem conhecimentos, valores, habilidades, experiências e determinação que os torna aptos a agir individual e coletivamente, e resolver problemas ambientais presentes e futuros.

No “Projeto Conhecendo os Banhados e no Projeto Dourado” temos um grupo de monitores que vêm no turno oposto às aulas para ajudar nas atividades de campo com alunos menores, participam de pesquisas, fazem mapeamento e recuperação de áreas degradadas. Também, trabalhamos com os 587 alunos da nossa escola, atendemos os alunos das três redes de Ensino do Município, a partir de 2 anos de idade, (através de agendamento as escolas marcam atividade), trabalhamos uma parte teórica (respeitando a idade do público envolvido), utilizando fotos, histórias infantis, vídeo para ilustrar as diferentes situações e, após, vamos a campo para que o aluno possa vivenciar, na prática, o que muitas vezes em sala de aula fica apenas na teoria. Os alunos podem observar, discutir e propor soluções para minimizar os problemas ambientais ou como conservar o ecossistema observado.

No ano de 2006, participamos do concurso da Dpaschoal – Programa Reciclando numa Boa, quando a Dpaschoal e a Fundação Educar premiaram o projeto “Conhecendo os Banhados”, o qual representou o RS como “uma das melhores práticas de incentivo à mudança de hábito e conscientização ambiental”.

No ano de 2008 a Escola recebeu o Prêmio Ford de Conservação Ambiental, com o Projeto “Conhecendo os Banhados”, na categoria Prêmio Meio Ambiente nas Escolas, oferecido às escolas que criaram e implementaram projetos que incentivam significativamente a conservação do meio ambiente e que envolvam diretamente a participação dos alunos. A iniciativa visa à formação e a conscientização ambiental dos estudantes.

Em 2010 recebemos o prêmio ANA da Agência Nacional de Águas, na categoria Ensino- Água: o desafio do desenvolvimento sustentável, também com o projeto “Conhecendo os Banhados”.

Projeto Dourado

O “Projeto Dourado” existe desde 2001. É um trabalho realizado através da  parceria estabelecida entre  UNISINOS, COMITESINOS e Prefeituras Municipais, com o  objetivo de sensibilizar a população sobre a necessidade de promover a melhoria da qualidade das águas da Bacia Hidrográfica do rio dos Sinos, usando o peixe Dourado como espécie bandeira.

O “Projeto Dourado” é um projeto de Educação Ambiental elaborado com o propósito de iniciar um processo de mobilização da sociedade da bacia o Rio dos Sinos para que assumam sua responsabilidade e tomem decisões para a melhoria da qualidade e quantidade das águas. São realizadas atividades práticas para difusão de conceitos, que auxiliem na formação de uma cultura onde a água adquira uma posição privilegiada, como elemento natural de maior importância, para os seres vivos e seus usos mais significativos.

A escolha do peixe Dourado (Salminus brasiliensis) como espécie bandeira decorre do valor cultural e comercial da espécie na região da hidrobacia, além de servir como um bioindicador de qualidade das águas da região.

São 13 municípios da bacia do Rio dos Sinos que possuem as chamadas “Escolas Pólos”. Estes espaços visam à divulgação dos resultados da pesquisa cientifica utilizando a espécie bandeira como ícone de sensibilização da população, vislumbrando a apropriação de informações sobre as necessidades de engajamento com a gestão dos recursos hídricos pela sociedade.

A Escola Municipal de Ensino Fundamental 25 de Julho cedia o Projeto Peixe Dourado no município de Campo Bom. Desenvolve atividades de sensibilização (com alunos, professores das três redes de ensino e comunidade em geral através de agendamento), demonstrando a importância da água para as diferentes espécies de seres vivos. Também discute-se como a poluição dessas águas traz problemas para toda a região: gasta-se mais para beber uma água de boa qualidade; peixes morrem com frequência; os balneários não são adequados para o banho; a indústria, especialmente a de alimentos, investe mais para usar a água na sua produção, enfim, todos perdem com isso. Além disso, são demonstradas algumas iniciativas que contribuem para a preservação dos rios e arroios.

http://www.comitesinos.com.br/index.php?option=com_content&task=view&id=73&Itemid=55

2 pensamentos sobre “Linha do tempo

  1. Professora margarida e todos funcionarios do projeto adorei as coisas e escritas que botaram. desejo tambem boa sorte para que este ano o brasil todo tenha lido os textos que botaram a cima perceber o quanto se esforçaram para fazer esse projeto e colaborar com o lixo reciclando, em fin e eu estou apoiando voces ai bjs espero que todo mundo le os textos acima e mude sua vida voces vao fazer muito sucesso adoro o projeto de voces sempre estou de olho nas novidades que botam! Abraços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s